A Postura na Parada de Mãos (Handstand)

Quando em Parada de Mãos (Handstand) a postura não deixa de ser importante. Uma postura corretamente alinhada permitirá avanços na posição, tal como o início do trabalho de Parada de Mãos com Uma Mão (One Arm Handstand).
Além de uma melhor estética de movimento, o alinhamento postural na Parada de Mãos permite uma melhor economia de energia, o que facilita a permanência por mais tempo na posição.
Mas essa postura não é fácil de ser alcançada, e se relaciona muito com a postura do indivíduo em pé, como podemos olhar na imagem abaixo:
Na imagem acima foi utilizado um elástico (das mãos aos pés) para se avaliar o alinhamento entre as articulações envolvidas na Parada de Mãos.
A fraqueza dos musculos das costas (principalmente trapézio e elevadores das escápulas) e a falta de alongamento dos peitorais, ombros e latíssimo do dorso, faz com que a tarefa de manter a postura em total alinhamento seja prejudicada.
Quando em Parada de Mãos o indivíduo deve manter os tornozelos em cima dos joelhos, joelhos em cima do quadril, quadril em cima dos ombros, ombros em cima de cotovelos e cotovelos em cima de punhos. Se não for possível alcançar esta mesma postura estando em pé, o trabalho e treinamento de Parada de Mãos não deve ser iniciado.
Na imagem abaixo temos os dois exemplos de Parada de Mãos como se fossem executadas com o Corpo SEM Alinhamento Postural (esquerda) e com o Corpo COM Alinhamento Postural (direita):
 Percebe-se que na Parada de Mãos SEM alinhamento postural (esquerda) torna o corpo mais arcado - em função da fraqueza das costas e flexibilidade de peitorais e ombros. Essa fraqueza nas costas faz com que o tronco se arque para que utilize mais os peitorais para manter o equilíbrio, também há pouca ativação do abdome, pois a força e equilíbrio está mais focada nos braços, ombros e peitorais.
No exemplo da direita (Parada de Mãos com o Corpo COM Alinhamento Postural) existe extrema ativação do abdome, trapézio, elevadores das escápulas e tríceps, o corpo estando em total alinhamento torna o movimento mais fino em questão de equilíbrio, porém mais econômico em questão de gasto energético.
É o mesmo que acontece quando não temos uma boa postura ao andar, sentar, ou ficar em pé e correr; gastamos mais energia para manter a posição ou o movimento. Quanto mais fraca nossas costas mais propensos ao encurtamento dos peitorais ficamos, assim a postura irá piorar cada vez mais com a idade, seja a postura em Pé ou em Parada de Mãos.

Abaixo segue um vídeo de uma análise de exemplo - feita no software Kinovea® - da postura arcada para a postura reta na Parada de Mãos:


O trabalho e treinamento com Equilíbrio em Parada de Mãos não é apenas feito de exercício de equilíbrio e resistência mas envolve muito mais complexidade do que muitos acham. A análise da postura deve ser fator fundamental no treinamento desta habilidade para que o profissional possa selecionar os métodos e exercícios que mais irão ajudar na conquista e aperfeiçoamento deste movimento.
Existem exercícios que podem ajudar na melhora da postura - tanto a postura em pé quanto a postura em parada de mãos. Alguns estão presentes no video abaixo:


Estes exercícios podem ser utilizados como preparação inicial para o treinamento com Equilíbrio em Parada de Mãos e também como exercícios de manutenção para não enfraquecer e encurtar os musculos já fortalecidos e já alongados, neste último caso pode-se usar os exercícios como aquecimento ou complemento no treinamento.

Espero que tenham gostado,
Abraços
Ale

Alexandre C. Alves é Esp. em Fisiologia do Exercício e em Treinamento Desportivo pela UNIFESP

O artigo A Postura na Parada de Mãos (Handstand) foi escrito e editado por Alexandre C. Alves na data de 15 de jul de 2012. Esperamos que este artigo possa ser útil.

Sessões deste Artigo: ,