PUXAR

Um dos movimentos de puxar mais tradicionais que existem é a barra.
Segurar o próprio peso do corpo e puxá-lo até que as mãos toquem nos ombros é um parâmetro de força que devemos trabalhar em todo e qualquer aluno, independente da idade ou gênero.

Fazer a primeira repetição de barra abre o caminho para diversos outros movimentos com os membros superiores, por exemplo, o muscle up.

Sem fazer uma barra, não só a capacidade de movimento fica limitada, mas também o ganho de força e hipertrofia. Pode-se fazer infinitas puxadas de pulley, infinitas remadas na máquina, que sem a força de executar no mínimo uma barra fixa o desenvolvimento do tronco e membros superiores será limitado, claro que isso cabe aos que não usam nenhum tipo de recurso ergogênico ilícito.



Lembre-se que o movimento pode sempre começar de uma forma menos intensa (primeiro movimento do vídeo, onde temos a ação isométrica e excêntrica do movimento, executado pela Edna) até uma forma mais intensa (segundo movimento, no qual vemos a Marcia executar uma barra com sobrecarga no corpo). O movimento não para em aumento de intensidade, sendo que podemos (E DEVEMOS) aumentar também a complexidade, ou seja, mudar para progressões/variações de barras com uma mão, sequências/combos que envolvam o movimento de puxar (muscle ups e variações), entre outros.

Investir na força de puxar e executar a primeira barra fixa certamente irá abrir várias portas para o desenvolvimento muscular, de força e de movimento de todo e qualquer indivíduo: ACREDITEM!

★ Para aprender mais sobre movimentos com o peso do próprio corpo, exercícios e estratégias nas argolas de ginástica, calistenia, inclusão de exercícios com peso corporal na série de musculação, periodização e controle de intensidade com progressões seguras e inteligentes fiquem ligados nos workshops (RJ e SP) que serão publicados nas redes sociais:

SIGAM:
facebook.com/acafitnessTraining
instagram.com/acafitness
twitter.com/acafitness

★ Para informações sobre nosso programa de Online Coaching, envie um email para contato@acafitness.com.br
Somente para pessoas realmente interessadas em preparação física.



Alexandre C. Alves é Esp. em Fisiologia do Exercício e em Treinamento Desportivo pela UNIFESP

O artigo PUXAR foi escrito e editado por Alexandre C. Alves na data de 17 de fev de 2016. Esperamos que este artigo possa ser útil.

Sessões deste Artigo: , , , , ,