Hipertrofiando com dieta vegetariana


Olá galera irada desse mundo muito louco!!!
Hoje tenho a honra de postar uma postagem especial da minha amiga e nutricionista Priscila Di Ciero, a qual escreveu um texto muito legal, a meu pedido, sobre hipertrofia relacionada à dieta vegetariana.
Espero que gostem! :-)

Priscila:
O consumo de carne (especialmente a carne vermelha) sempre foi associado ao ganho de força e de massa muscular, e os vegetarianos eram crucificados quando começavam a “pegar mais pesado” na academia, ouvindo comentários de que, para obterem resultados satisfatórios, precisariam incluir carnes em suas dietas.
Sejam por razoes filosóficas, éticas, econômicas, religiosas e saúde, s busca por dietas vegetarianas vem crescendo na população, assim como publicações científicas a respeito do tema.
O consumo de dietas vegetarianas tem sido associado a muitos benefícios a saúde, incluindo menores taxas de mortes por doenças cardiovasculares, diabetes e certos tipos de câncer e baixo risco de dislipidemia, hipertensão e obesidade. De modo similar, os benefícios múltiplos de dietas vegetarianas sobre a melhora da
aptidão física e da performance têm sido analisadas ao longo dos anos, especialmente no que tange performance em atletas de endurance (=resistência aeróbica). Já em atletas que praticam musculação, trabalhos ainda são escassos, mas os que estão publicados mostram que não há diferença estatística de performance física entre os que onívoros (=que se alimentam de algum tipo de carne) e vegetarianos.
Trabalhos mostram que a quantidade de proteínas e outros nutrientes na dieta vegetariana é adequada e, juntamente com descanso e treino para hipertrofia, irá proporcionar resultados desejados.
A suplementação com creatina foi sugerida como recurso ergogênico
para atletas que realizam sessões repetidas de exercícios de alta intensidade e
curta duração. Indivíduos vegetarianos, quando comparados aos não vegetarianos, apresentam menores níveis plasmáticos de creatina, o que garantiria até melhores resultados com o uso da suplementação, se comparado com os onívoros.
 

Um vegan que obviamente consegue proteína suficiente, bodybuilder vegan Robert Cheeke.
Quem disse que quem come carne come bem? Há inúmeras deficiências naqueles que comem carne e mantém dieta pobre em outros nutrientes, nutrientes que ajudam a combater e tratar lesões, manter saúde e sono em dia para garantir boas sessões de treino. Dietas vegetarianas ou não precisam sim de ajustes para quem tem foco de hipertofia, e um nutricionista esportivo pode ajudar bastante! Em minha prática clínica, posso garantir que excelentes resultados são obtidos com ajustes na dieta e uso de suplementos em vegetarianos que buscam hipertrofia.
Vale ressaltar que trabalhos ainda precisam ser feitos associando dieta vegetariana e aumento de força e hipertrofia, mas não se pode ignorar o fato de dietas vegetarianas bem planejadas – inclusive a vegana – é saudável e apropriada a todas as fases de vida, desde infância á gestação, e para aqueles que se exercitam!
Procure sempre ajuda de um profissional especializado.

Boa dieta e bons treinos!

---
Nutricionista paulistana formada em 2001, Priscila Di Ciero é pós-graduada em Nutrição Esportiva Funcional, com vasta experiência a atendimentos a vegetarianos, esportistas, gestantes e todos que buscam mais qualidade de vida através de uma nutrição balanceada. Além dos atendimentos personalizados, presta consultoria a restaurantes, escolas e empresas de alimentos com conceito de nutrição funcional. Associando conceitos da Nutrição Viva e da Fitoterapia, Priscila é diretamente implicada e comprometida com o sucesso do tratamento e bem estar de seus clientes.
Aproveite e confira o blog da Nutri!

Alexandre C. Alves é Esp. em Fisiologia do Exercício e em Treinamento Desportivo pela UNIFESP

O artigo Hipertrofiando com dieta vegetariana foi escrito e editado por Alexandre C. Alves na data de 25 de out de 2010. Esperamos que este artigo possa ser útil.

Sessões deste Artigo: